Como o Facebook Ads mudou a maneira de fazer marketing

23 jun Como o Facebook Ads mudou a maneira de fazer marketing

Até cerca de uns 4 anos atrás, todo o alcance do Facebook era orgânico, mas como Mark Zuckerberg não dá ponto sem nó, viu uma oportunidade e percebeu que se começasse a usar o algorítimo do EdgeRank a seu favor, e cobrasse para que algumas páginas tivessem mais relevância que outras, certamente as pessoas pagariam.

Dito e feito. Hoje, em pleno 2017 o único alcance orgânico e de grande relevância são páginas de memes que nascem em um dia e morrem no outro, uma empresa que quer se manter no mercado e ser sempre vista, precisa investir no Facebook Ads e estar atento aos resultados.

Investir no Facebook Ads é mostrar interesse em se destacar, pois não importa sobre o que seja seu produto ou serviço, sempre haverá alguém que pesquisou sobre, e caso você tenha investido, será recomendado para essa pessoa.

Os times de marketing agora precisam se preocupar em criar campanhas que funcionem digitalmente, que se encaixem nas diretrizes do Facebook. As contas de investimento em divulgação agora são diferentes, não é necessário ter um orçamento exorbitante para alcançar milhares de pessoas, basta conhecer seu público, saber onde ele vai, quem são eles e o que os interessa.

Além de tudo, ao promover suas postagens as chances de você captar potenciais clientes, que as vezes podem não saber que a sua empresa existe ou oferece determinado serviço, pode aumentar. Isso pode se transformar em curtidas e criar um possível engajamento entre lead e empresa, pois quando o processo de interação é iniciado, o usuário será lembrado de maneira sutil que você está no mercado.

De certa forma, o pagamento por maior alcance no EdgeRank prejudicou muitas empresas que lucravam através da “propaganda gratuita”, mas as opiniões se dividem, já que mesmo sendo uma mídia social gratuita, o Facebook não ganhava nada em troca, e agora, mesmo tendo que arcar com gastos, os dois lados ganham.

E você, já começou sua campanha pelo Facebook Ads?

Amanda Ribeiro
amanda@webnet.inf.br
Nenhum Comentário

Faça um comentário.